Marketing Opus 04/08/2020

[maio/20] RH em tempos de crise: saiba como gerenciar da melhor forma

Saber como gerenciar o RH em tempos de crise é um desafio para muitos profissionais. Afinal, é necessário saber tomar decisões sob pressão e considerar diferentes cenários para auxiliar não só as equipes, motivando-as e cuidando da sua saúde, como também da organização, prezando pelos bons resultados mesmo em um contexto instável.

Isso faz com que muitos líderes e gestores do Recursos Humanos sintam dificuldade em organizar o departamento e suas ações durante momentos de crise. Então, como garantir bons resultados ao longo de períodos instáveis? Preparamos este conteúdo para responder à pergunta e garantir uma excelente ação estratégica da sua organização. Confira!

Tomada de decisões: como lidar com elas?

Tempos de crise geram decisões difíceis de serem tomadas. Muitas empresas enfrentam processos de demissões em massa, reformulação das funções de trabalho, contratação de profissionais com menor experiência para controlar o fluxo de caixa e garantir uma boa sobrevida durante a instabilidade.

O fato é que os profissionais do RH precisam tomar decisões conscientes e saudáveis para garantir não só uma longa vida útil à organização, mas também preservar a saúde dos seus colaboradores. Para tanto, é essencial investir em uma postura humanizada e transparente, explicando os motivos pelos quais as decisões estão sendo tomadas.

Assim, você estimula uma cultura de cuidado e acolhimento, inclusive para os profissionais que estão sendo desligados da empresa. Ao oferecer suporte, tanto emocional quanto legal, é possível fortalecer as relações de trabalho entre as equipes e não sentir um grande impacto na produtividade de todos.

O período de crise: quais são as melhores ações para contê-lo?

Existem três ações fundamentais para conter o período de crise e evitar seus impactos negativos: o fortalecimento da cultura e clima organizacional, a comunicação não-violenta e a gestão de crise. Como você deve imaginar, o primeiro ponto diz respeito à construção de ações que consolidam os ideais, valores e princípios da empresa.

Com ele, é possível engajar os colaboradores e reforçar a cultura de colaboração e cuidado mútuo, evitando a queda do desempenho dos times. Em conjunto, o RH deve compartilhar técnicas de comunicação não-violenta para aprimorar os laços entre os profissionais e criar um ambiente de trabalho saudável mesmo sob pressão.

Assim, você cria uma gestão de crise sólida e eficaz, desenvolvendo manuais de condutas e ações que os líderes, gestores e colaboradores podem tomar diante de situações de instabilidade. Além de incluir tópicos sobre o fortalecimento da cultura e a utilização da comunicação não-violenta, lembre-se de incluir nos materiais itens como:

  • quais procedimentos são mais indicados em situações específicas;
  • quem são os responsáveis por cada medida emergencial;
  • explicar quais são as prioridades da organização frente à crise;
  • detalhar o funcionamento dos investimentos e aplicação de recursos em momentos de instabilidade.

Existe alguma forma de minimizar os impactos da crise?

Uma questão que todos os gerentes de Recursos Humanos têm diz respeito às melhores formas de minimizar os impactos da crise. No tópico anterior falamos sobre as principais maneiras de conter esse período de dificuldades, então, será que existe alguma técnica para diminuir suas consequências?

Se você acredita que a resposta é sim, acertou em cheio! Os impactos da crise são variados e interferem não só no funcionamento e lucro da empresa, como também na saúde mental e física dos colaboradores. A melhor forma de minimizá-los é estudando sobre as possíveis consequências da crise.

É por isso que a qualificação de profissionais é um passo fundamental para controlar os efeitos negativos da crise e auxiliar os trabalhadores a lidar com suas consequências. Instrumentalizando suas equipes, é possível mantê-las motivadas e ativas mesmo em tempos instáveis, sem perder de vista sua saúde.

Ao longo deste conteúdo, você pode conhecer ações estratégicas para garantir uma excelente atuação do RH em tempos de crise. Com elas, é possível reforçar os esforços das equipes e dos líderes, assim como assegurar a saúde, motivação, satisfação e engajamento com o contexto de trabalho.

E aí, o que achou do nosso post? Quer ficar por dentro de outros temas sobre o universo de gestão de pessoas? Aproveite para assinar a nossa newsletter e acompanhar todas as atualizações!



O quanto esse conteúdo foi útil?

0 / 5. 0

Compartilhar essa matéria


Artigos relacionados

Como People Analytics pode ajudar a analisar melhor os colaboradores? Saiba aqui!

Como People Analytics pode ajudar a analisar melhor os colaboradores? Saiba aqui!

05/01/2019

Você sabia que seu círculo social pode influenciar várias áreas da sua vida? Então, se você quer resultados diferentes, precisa ler este artigo!

Você sabia que seu círculo social pode influenciar várias áreas da sua vida? Então, se você quer resultados diferentes, precisa ler este artigo!

12/01/2019