Wladimir Martins 01/12/2022

O que é o “departamento pessoal” e qual sua importância para o setor de RH?

Com as transformações cada vez mais evidentes no mercado de trabalho, a gestão de pessoas tem alcançado uma posição de destaque na empresa. Com planejamento, análise e tomada de decisão estratégica, os gestores passaram a considerar o capital humano como um importante motor de sucesso para a organização.
O Setor de Recursos Humanos, mais conhecido como RH, tem feito um excelente papel no que se refere à seleção e recrutamento de pessoas para atuar no mercado, mas ele sozinho não é capaz de contratar, isso porque existem diversos procedimentos legais que são necessários para que o contratado inicie os seus trabalhos, e quem cuida desses recursos é o Departamento Pessoal.
O Departamento Pessoal é o setor responsável por tarefas e atividades específicas, que configuram nos processos legais envolvendo as relações trabalhistas entre patrão e empregado. Em síntese, o setor cuida das questões burocráticas necessárias para que o empregado possa executar plenamente suas funções dentro da organização.
O Departamento garante que a empresa esteja em conformidade com as leis trabalhistas e não tenha problemas com a Justiça do Trabalho. Dessa forma, ele garante o cumprimento do contrato de trabalho por parte do trabalhador e da empresa.
Ele concentra todas as informações e documentos do processo de admissão, dos empregados e da própria empresa, gerando um grande impacto na vida dos envolvidos. Sendo assim, os profissionais do DP precisam apresentar um perfil específico com resiliência, maturidade, compromisso, dedicação, organização, boa análise, ótimo relacionamento interpessoal, habilidade para lidar com situações imprevisíveis e amplo conhecimento da Legislação Brasileira, Trabalhista e Previdenciária.
Dessa forma, a responsabilidade sob as tarefas burocráticas, com foco no cumprimento de prazos e na exposição da empresa perante os órgãos públicos, é dever do Departamento Pessoal. Além disso, podemos citar outras atribuições e tarefas do setor como: admissão e desligamentos, concessão de licenças, rescisão, controle de ponto, afastamento e férias, todos os pontos relativos à remuneração, incluindo o cálculo da folha de pagamento e a gestão de benefícios (distribuição de vale-transporte, vale-refeição e cestas básicas), controle da jornada de trabalho, indicadores, pagamento de taxas, impostos e contribuições e fiscalização do cumprimento das obrigações trabalhistas.
No caso de empresas de pequeno porte, essas atividades são normalmente executadas pela empresa de contabilidade terceirizada. As médias empresas, em grande maioria, apresentam um único setor, responsável pelo recrutamento e seleção e, também, pelos procedimentos legais e burocráticos. Já nas empresas de grande porte, os dois setores – RH e Departamento Pessoal – são separados. Mesmo executando tarefas distintas, é fundamental a harmonia entre as partes para que a gestão de pessoas funcione, gerando bons resultados para a empresa, ao contrário disso, toda a organização poderá ser prejudicada.
Assim sendo, os dois setores (Departamento Pessoal e Gestão de Pessoas) precisam trabalhar de forma integrada e alinhada aos objetivos estratégicos e à missão da empresa.
Portanto, o trabalho realizado pelo Departamento envolve técnicas que exigem atenção redobrada dos profissionais, como: controle de prazos, cálculos e acompanhamento de processos. Dessa forma, é importante salientar que sem o Departamento Pessoal, o RH não consegue realizar sua função plenamente.



O quanto esse conteúdo foi útil?

0 / 5. 0

Compartilhar essa matéria


Artigos relacionados

5 mudanças de atitude que vão transformar você em um profissional extraordinário

5 mudanças de atitude que vão transformar você em um profissional extraordinário

01/04/2019

Como desenvolver o autoconhecimento emocional em um papel de liderança?

Como desenvolver o autoconhecimento emocional em um papel de liderança?

15/04/2020

A importância da comunicação objetiva!

A importância da comunicação objetiva!

18/04/2022