Wladimir Martins 06/04/2021

Como Ter Disciplina e Organização no Home Office?

Guia rápido para te ajudar a tornar o seu home office mais efetivo e saudável.

 Independente se a sua preferência é ir até o trabalho todos os dias e desfrutar de todo o contato, socialização e boas experiências que só os cargos presenciais fornecem, não há como negar que o home office chegou para trazer praticidade, funcionalidade e aproximação aos seus usuários. Trabalhar em casa despensa a necessidade de deslocamento e consequentemente elimina os vários minutos por dia que muitos perdem no trânsito, além de também conseguir conectar pessoas em diferentes localidades e ainda flexibilizar as rotinas de cada colaborador que estando em casa, adaptará suas tarefas de acordo com o tempo, disposição, em outros fatores.

Mas quais serão os pontos negativos do home office?

Será que ele é sempre saudável? Existe uma forma correta de trabalhar em casa?

Bom, não é nenhuma surpresa que a maior preocupação quanto ao home office são de fato as distrações com as quais temos que lidar estando em casa durante a maior parte do nosso dia. Seja com os afazeres domésticos, seja com os filhos ou até com aquela preguicinha que nos atrapalha e nos leva ao caminho da procrastinação. Mas então como lidar com o home office e torná-lo de fato produtivo?

Primeiramente é importante dizer que apesar de estarmos em casa durante mais tempo do que de costume e por estarmos em contato frequente com os outros aspectos envolvendo a estadia em casa, é importante sempre estabelecer um tempo específico dentro do seu dia para realizar as tarefas estipuladas a você pelo seu trabalho. Não necessariamente esse tempo precisa ser o mesmo todos os dias, você fará a distribuição das suas responsabilidades da melhor forma. Separar esse tempo para o trabalho lhe levará automaticamente a distribuir também tempo para as outras atividades que você precisa realizar durante o seu dia e quando menos esperar, você se verá com uma agenda de atividades diárias montadas.

Organizar e administrar o seu tempo de acordo com as suas prioridades e relevâncias apenas tem a acrescentar na sua rotina em home office. Além da distribuição do seu tempo, não podemos deixar de citar a saúde dentro do home office, saúde física e mental. Longos períodos sentados de forma incorreta na mesma posição ou a própria sobrecarga digital com a qual não estávamos acostumados antes tornam-se problemas perigosos no decorrer da estadia em casa.

A melhor forma de lidar com essas questões é bastante simples. Buscar adquirir uma cadeira adequada para passar longos períodos sentados, optar por realizar sempre que possível pequenas pausas para beber água, tomar um café, caminhar pelo quintal ou realizar alguns alongamentos. É válido salientar também a importância de tentar desconectar a atividade mental, pelo menos por algumas horas, das redes sociais e dos aparelhos eletrônicos ao fim da jornada de trabalho para dar ao cérebro e aos olhos o devido descanso. Não podemos nos esquecer de mencionar a prática regular de exercícios físicos e a alimentação adequada como bons hábitos durante o home office. Alimentar-se com tranquilidade e priorizando comidas naturais em contraposição aos congelados e industrializados, lembrando sempre de hidratar-se com vários copos de água durante o dia e reservando sempre um tempinho para exercitar o corpo, principalmente por esse corpo na maioria das vezes ter sido submetido a passar muitas horas congelado na mesma posição. Vale citar também que o home office pode muitas vezes gerar um certo sentimento de claustrofobia ou aprisionamento em seus usuários, visto que as horas em que essas pessoas precisam estar em casa aumenta consideravelmente.

Para lidar com isso basta variar o cômodo da casa em que se está trabalhando, como experimentar sentar de manhã para trabalhar ao ar livre no jardim ou na varanda ou até mesmo tentar ir até um café ou uma praça para testar novos ambientes e experiências. O importante é não deixar que o desconforto de estar muito tempo dentro de casa te abale psicologicamente a ponto de colocar em risco a sua saúde mental.



O quanto esse conteúdo foi útil?

0 / 5. 0

Compartilhar essa matéria


Artigos relacionados

5 técnicas essenciais de como motivar pessoas

5 técnicas essenciais de como motivar pessoas

02/10/2020

O que é empatia e como desenvolvê-la para melhorar o convívio social?

O que é empatia e como desenvolvê-la para melhorar o convívio social?

04/08/2020

Quer mudar o RH da sua empresa? Conheça ferramentas capazes de potencializar os seus resultados!

Quer mudar o RH da sua empresa? Conheça ferramentas capazes de potencializar os seus resultados!

02/01/2019